Um ensaio sobre o tema da fecundidade diferencial: famílias estáveis e famílias (i)migrantes

  • Alain Bideau CNRS
  • Sergio Odilon Nadalin UFPR

Resumo

Um ensaio sobre o tema da fecundidade diferencial: famílias estáveis e famílias (I)migrantes. O artigo pretende trazer elementos para a discussão da metodologia da reconstituição de famílias, principalmente no que concerne à representatividade dos casais e filhos recuperados a partir da metodologia proposta por Henry para o estudo da fecundidade no passado. A discussão está centrada na possibilidade de um comportamento diferenciado das famílias denominadas EF, em princípio menos estáveis do que as famílias da categoria MF. Para possibilitar a comparação, estas últimas famílias foram tratadas como se fossem EF, ou seja, foram observadas a partir do primeiro filho nascido na paróquia em estudo.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2014-01-06
Como Citar
Bideau, A., & Nadalin, S. O. (2014). Um ensaio sobre o tema da fecundidade diferencial: famílias estáveis e famílias (i)migrantes. Revista Brasileira De Estudos De População, 12(1/2), 169-180. Recuperado de https://rebep.org.br/revista/article/view/460
Seção
Artigos originais