[1]
D. M. X. de Abreu, E. de F. Drumond, E. B. França, L. H. Ishitami, D. C. Malta, e C. J. Machado, “Análise comparativa de classificações de causas evitáveis de morte em capitais brasileiras: o caso das doenças cerebrovasculares”, Rev. bras. estud. popul., vol. 27, nº 2, p. 447-455, ago. 2013.